Dicas para Viajar


Para brasileiros, toda viagem internacional requer o Passaporte, com exceção aos seguintes países: Argentina, Uruguai, Paraguai, Bolívia, Chile, Peru, Equador, Colômbia e Venezuela, onde também é aceita como documento de viagem a Carteira de Identidade civil (RG), emitida pelas Secretarias de Segurança Pública dos Estados ou do Distrito Federal. Confira a relação de documentos e os procedimentos necessários para a obtenção do passaporte brasileiro, bem como os postos autorizados para a emissão deste documento. Atualmente a taxa para confecção do novo passaporte é de R$ 257,25 e pode ter validade de até 10 anos.Informações Completas e link para requerimento:Site da Polícia Federal, órgão responsável pela emissão de passaportes no Brasil: http://www.pf.gov.br/servicos/passaporte/

Muitos países exigem o Certificado Internacional de Vacinação contra febre amarela para turistas brasileiros. Outros países recomendam a vacinação, mas não exigem o certificado. ATENÇÃO: conteúdo meramente replicado, não nos responsabilizamos por eventuais mudanças nas relações diplomáticas entre os países, acarretando na mudança das regras abaixo. Consulte sempre um consultor da agência para reconfirmar as informações.Fonte: OMS – Organização Mundial da Saúde (disponível em http://who.int/ith/ITH_country_list.pdf).ListagemPAÍSES QUE RECOMENDAM A VACINAÇÃO CONTRA A FEBRE AMARELA:- Argentina, Colômbia, Panamá, Peru, Sudão do Sul e Venezuela. PAÍSES QUE EXIGEM O CERTIFICADO INTERNACIONAL DE VACINAÇÃO CONTRA A FEBRE AMARELA:- Afeganistão, África Central, África do Sul, Albânia, Algeria, Angola, Anguila, Antilhas Holandesas (Bonaire, Curaçao, Saba, St Eustasius e St. Martin), Antigua e Barbuda, Arábia Saudita, Austrália, Bahamas, Bangladesh, Barbados, Belize, Butão, Bolívia, Botswana, Brunei, Burkina Fasso, Burundi, Cabo Verde, Camboja, Camarões, Cazaquistão, Chad, China, Congo, Costa do Marfim, Costa Rica, Coreia do Norte, Djibouti, Dominica, Equador, Egito, El Salvador, Eritrea, Etiópia, Filipinas, Guiné Equatorial, Guiana Francesa, Gabão, Gâmbia, Gana, Granada, Guatemala, Guiné, Guiné-Bissau, Guiana, Honduras, Índia, Indonésia, Irã, Iraque, Jamaica, Jordânia, Iêmen, Ilhas Fiji, Ilhas Maldivas, Ilhas Mauritius, Ilhas Salomão, Ilhas Seychelles, Kênia, Kiribati, Laos, Líbano, Lesoto, Libéria, Líbia, Madascar, Malawi, Malasia, Mali, Malta, Martinica, Mauritania, Mayotte, México, Montserrat, Moçambique, Myanmar, Namíbia, Nepal, Níger, Nigéria, Omã, Papua-Nova Guiné, Paquistão, Paraguai, Quirguistão, República Dominicana, Ruanda, Senegal, Serra Leoa, Singapura, St. Barthelemy, St. Lucia, St. Maarten, Samoa, São Tomé e Princípe, Somália, Sri Lanka, Sudão, Suriname, Suazilândia, Tahiti (Polinésia Francesa), Tailândia, Tânzania, Timor-Leste, Togo, Treinidad & Tobago, Tunísia, Uganda, Vietnã, Zaire, Zâmbia, Simbábue.

Além do Passaporte, alguns países exigem o Visto de entrada e/ou Certificados Internacionais de Vacinação contra febre amarela ou outra forma de contagio para viagens a turismo. Veja abaixo a relação atual de países que exigem vistos de brasileiros, informações sobre necessidade de vacinação, e demais informações importantes. ATENÇÃO: conteúdo meramente replicado, não nos responsabilizamos por eventuais mudanças nas relações diplomáticas entre os países, acarretando na mudança das regras abaixo. Consulte sempre um consultor da agência para reconfirmar as informações.NOTA: outros países que não exisgem visto de entrada podem exigir o Certificado Internacional de Vacinação contra febre amarela ou outra forma de contagio para viagens a turismo. Para consultar a listagem de países que exigem esses certificados, acesse o menu à erquerda “Vacinas”.Fonte: Ministério das Relações Exteriores (disponível em brasil.gov.br/turismo/2015/01/conheca-quais-paises-exigem-visto-para-brasileiros).Países que exigem Visto de Entrada para turistas brasileiros:- Afeganistão (Turista deve portar Certificado Internacional de Vacinação contra a poliomielite até um ano antes da viagem);- Argélia;- Armênia;- Angola;- Austrália (Turista deve portar o Certificado Internacional de Vacinação contra febre amarela, passaporte com validade de pelo menos seis meses, entre outros);- Bangladesh;- Benin;- Burkina Faso;- Cabo Verde (Portadores de passaportes brasileiros diplomáticos ou de serviço estão isentos do visto de entrada por um período de permanência de até 90 dias);- Camarões (Turista deve portar Certificado Internacional de Vacinação contra a febre amarela);- Camboja (Turistas podem solicitar visto no momento de chegada “visa on arrival”);- Canadá;- Catar;- China;- Congo;- Cuba (É preciso portar seguro de viagem com cobertura de despesas médicas no País);- Egito (Visto também pode ser adquirido quando da chegada no Aeroporto do Cairo, ou mesmo nos postos de fronteira);- El Salvador;- Emirados Árabes Unidos;- Estados Unidos (Recomenda-se planejar a obtenção do visto com vários meses de antecedência em relação à viagem, antes de adquirir passagem aérea);- Etiópia;- Gabão;- Gana;- Índia (Turista deve portar Certificado Internacional de Vacinação contra febre amarela);- Honduras;- Irã;- Iraque (Visto concedido pelo Consulado do Iraque no Brasil);- Indonésia (Visto de turista pode ser obtido no aeroporto, desde que apresentado passaporte com validade mínima de 6 meses);- Japão (Como não há vôos diretos entre o Brasil e o Japão, turistas devem prestar especial atenção às exigências de entrada ou trânsito do país no qual farão conexão ou escala aérea);- Jordânia (Contar com visto de entrada aposto no passaporte ou solicitá-lo no aeroporto, mediante pagamento de taxa adicional);- Líbano;- Laos (Turistas ingressando no Laos por terra ou pelos aeroportos podem obter visto no momento da chegada Mali- Portador de passaporte diplomático ou oficial está isento da exigência para ingressar no País); – Moçambique (Visto poderá ser obtido na Embaixada e inclusive nos aeroportos, ao custo de US$ 82,00);- Nepal (Visto de turista poderá ser adquirido na chegada ao aeroporto);- Nigéria;- Quênia (Na chegada ao aeroporto o visto poderá ser adquirido com entrada válida por um período não superior a três meses);- República da Guiné; ((Turista deve portar Certificado Internacional de Vacinação contra febre amarela);- São Tomé e Príncipe (É preciso fazer requerimento de autorização de entrada para então ser expedido o visto);- Vietña;- Tanzânia (Vistos para turistas brasileiros, válidos por 90 dias são concedidos na chegada (aeroportos ou postos de fronteira).*Dados do Ministério das Relações Exteriores

FREE SHOP
Free Shop é uma área livre de impostos dentro dos aeroportos internacionais do mundo todo. Veja abaixo as regras para compra de produtos nos Free Shop’s do Brasil.Conheça as regrasO valor máximo de compra por passageiro é US$500.00, utilizados em uma única nota de venda. Limites para a quantidade de produtos por passageiro/passaporte: . 24 garrafas de bebidas alcoólicas, com quantidade máxima de 12 unidades por categoria. (por exemplo: 12 vinhos, 12 whiskies, etc.)*. 20 maços de cigarros de fabricação estrangeira 400 unidades).. 25 unidades de charutos ou cigarrilhas.. 250g de fumo preparado para cachimbo.. 10 produtos de perfumaria e cosméticos).. 3 unidades de relógios, brinquedos, jogos ou instrumentos elétricos ou eletrônicos. * Menores de 18 anos, mesmo acompanhados, não podem comprar bebidas alcoólicas ou artigos de tabacaria.